Como agendar auxílio doença no INSS

Entenda como funcionam as regras para agendar auxílio doença INSS

Benefício oferecido pela Previdência Social, o auxílio doença é muito importante para aquelas pessoas que estão incapacitadas de trabalhar por causa de alguma doença ou de algum acidente, por exemplo.

Esse benefício acaba garantindo um salário para esse trabalhador até que o mesmo se recupere e consiga voltar a trabalhar. Mas, como é possível solicitar esse benefício? Como fazer o agendamento para auxílio doença?

Para acabar de uma vez por todas com essas dúvidas é só continuar a leitura deste artigo. Afinal de contas, é necessário entender muitas coisas antes de realmente tentar dar entrada no auxílio doença.

Infelizmente, existem algumas partes burocráticas e, sendo assim, é preciso saber se você se encaixa ou não nos pré-requisitos.

Quer saber mais sobre esse assunto e entender mais detalhes sobre como fazer agendamento para auxílio doença no INSS? Então basta continuar acompanhando este conteúdo até o final. Tenha uma boa leitura.


Como dar entrada no auxílio doença do INSS?

O trabalhador que trabalha com carteira assinada e, consequentemente, paga mensalmente a Previdência Social, possui o direito de receber o auxílio doença quando for necessário.

Ou seja, quando ele estiver incapacitado de trabalhar por motivos de doença ou de algum acidente, por exemplo. No entanto, é claro que para isso é preciso seguir algumas etapas importantes.

Em primeiro lugar, o trabalhador precisa buscar por um atendimento médico a fim de que um profissional analise seu caso e veja realmente como está a situação. Isso, é claro, durante alguma doença ou depois de um acidente.

Sendo assim, se o médico entender que esse trabalhador não possui condições de continuar exercendo suas atividades por um tempo determinado, a primeira coisa a ser feita é emitir um atestado de afastamento temporário.

Esse documento contém as principais informações sobre a doença, bem como os exames e os laudos médicos e o tempo de afastamento necessário. O número do Código Internacional de Doenças (CID 10) relativo ao diagnóstico também precisa constar no atestado.

É importante mencionar que esse é o único documento que realmente pode comprovar que um trabalhador não é capaz de continuar, temporariamente, praticando a sua função.

O próximo passo é dar esse atestado para o departamento da empresa responsável por esses assuntos. Se o trabalhador não conseguir ir até a empresa para fazer essa entrega, ele pode pedir que um familiar ou um amigo faça isso por ele.

O trabalhador precisa estar bem atento ao tempo de afastamento solicitado pelo médico. Isso porque até 15 dias é a empresa que fica responsável pelo pagamento do seu funcionário.

No entanto, se esse número for maior é o INSS o órgão responsável por arcar com esse pagamento até que o trabalhador possa voltar a trabalhar. Mas, é claro que tudo não é tão simples assim.

Quando esse tempo é maior, é necessário fazer algumas coisas como, por exemplo, o agendamento para auxílio doença. Para saber mais sobre isso é só continuar a leitura.

Como agendar auxílio doença no INSS

Como fazer agendamento para auxílio doença no INSS?

Como já mencionado antes, se o trabalhador que tem carteira assinada e contribui corretamente para o INSS precisar ficar mais do que 15 dias afastado do trabalho, é preciso fazer o agendamento para auxílio doença junto ao INSS.

Isso porque uma perícia médica precisa ser feita nesse trabalhador. Todo esse procedimento pode ser feito tanto pelo trabalhador quanto pela empresa para o qual ele trabalha.

Esse agendamento para auxílio doença pode ser realizado por meio da internet mesmo de uma forma muito prática. Na verdade, ele serve para já marcar o dia e o horário da perícia médica para que assim todo o processo de liberar o auxílio doença consiga continuar.

Caso a empresa não se responsabilize pelo agendamento, veja a seguir como fazê-lo:

1. Acesse o site da Previdência Social;

2. Agora, é preciso colocar o código de confirmação, depois selecionar o estado e a cidade e colocar a melhor data e agência do INSS para que a perícia seja feita;

3. Na próxima página, será preciso preencher o requerimento do benefício por incapacidade. Aqui será necessário inserir vários dados, por isso já é importante ter em mãos os seus principais documentos.

Algumas das informações solicitadas são: data de nascimento, nome da mãe, dados ligados ao trabalhador e a sua situação em específico, tipo de contribuição, número do CID, entre outras;

4. Em seguida, é hora de avançar para a página seguinte e confirmar o atendimento online. Se for necessário, o INSS permite que o agendamento para auxílio doença seja remarcado.

A única questão é que essa mudança precisa ser realizada até 3 dias antes do primeiro horário de atendimento marcado.

5. Pronto, depois é só anotar no lembrete do seu celular ou em um papel visível a data e o horário que foram marcados. Não se esqueça de que isso é muito importante. Caso contrário não será possível dar entrada no seguro desemprego.

Se ainda ficar com mais alguma dúvida, principalmente na hora de preencher o requerimento do auxílio doença, por exemplo, a dica é ir até uma agência física do INSS para que os funcionários te orientem melhor ou entrar em contato por meio do seguinte número de telefone: 135.

Tudo fica a sua escolha, é claro. O que realmente importa é não ter erros nessa fase que é tão importante para conseguir o benefício.

Se preferir também, dá até mesmo para fazer o próprio agendamento para auxílio doença indo até uma agência física do INSS.

A única questão é que nesse caso será necessário fazer uma viagem a mais. Sendo assim, para quem quer praticidade a internet é a melhor opção.

Como agendar auxílio doença no INSS

Conclusão

Vai tentar fazer o seu agendamento para auxílio doença agora mesmo? Apenas não se esqueça de que isso só é necessário se o médico te deu mais do que 15 dias de afastamento, certo? Caso contrário, é a própria empresa que vai fazer o seu pagamento e, portanto, nada disso é necessário.

Como agendar auxílio doença no INSS
5 (100%) 1 voto