Como agendar perícia no INSS em São Paulo

Confira todos os procedimentos necessários para agendar perícia INSS em São Paulo


O Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) é o responsável por autorizar ou não os benefícios previdenciários a cada brasileiro que os requisita.

É muito fácil encontrar um dos seus postos de atendimento e, normalmente, eles estão sempre com bastantes pessoas aguardando.

Há certos benefícios previdenciários que apenas são liberados de acordo com o resultado da perícia médica.

Aprenda como fazer o agendamento para perícia no INSS em SP, como ela funciona e como saber o seu resultado.


Quando é preciso agendar perícia do INSS em SP?

A perícia é necessária apenas quando se solicita o auxílio doença (que pode ser motivado por condições psiquiátricas ou físicas) ou a aposentadoria por invalidez.

A respeito do auxílio doença, ele pode ser liberado às pessoas que estão doentes e, devido a isso, impossibilitadas de desenvolver sua atividade profissional.

Ele é pago por tempo determinado e dá abertura para a aposentadoria por invalidez conforme se prolonga.

Esse tipo de aposentadoria é destinado aos indivíduos que não têm capacidade de se recuperar e não conseguiriam desenvolver nem mesmo outro tipo de trabalho.

Além de quem tem problemas de saúde crônico, as pessoas que sofrem acidentes graves também podem ser candidatas à aposentadoria por invalidez.

É importante dizer que a perícia médica ocorre de tempos em tempos para quem recebe auxílio doença.

Já para os aposentados, ela é feita apenas quando o benefício é pedido e, uma vez concedido, ele nunca mais poderá ser retirado.

Como agendar perícia no INSS em São Paulo

Como funciona a perícia do INSS em SP

O procedimento de perícia pode demorar até vinte minutos e é feito por um médico, geralmente concursado, nas dependências do INSS: os seus postos de atendimento têm uma área de consultórios apenas para as perícias, com toda a privacidade.

Depois que o brasileiro faz o agendamento, ele comparece à previdência social para ser examinado. Nessa consulta, será preciso levar os laudos e exames médicos, sem contar que o perito também pode fazer um exame rápido, com auscultação de coração, por exemplo.

Vale dizer que o perito não é autorizado a dizer na hora qual é o resultado da perícia: para o cidadão saber se o seu benefício será concedido, terá de aguardar trinta dias, aproximadamente.


Passo a passo fazer o agendamento para perícia no INSS em SP

Uma das formas de agendar é ligando para o 135, que funciona tanto em São Paulo quanto nos demais Estados.

Além desse modo, o brasileiro pode fazer o agendamento da perícia na plataforma Meu INSS, sem ser preciso fazer login: basta colocar as informações pessoais que forem solicitadas.

Esse agendamento servirá para quem quer pedir auxílio doença e para quem já está no estágio da aposentadoria por invalidez.

Quem tiver dificuldade para marcar a sua perícia pelo telefone e pelo site pode comparecer a um posto do INSS para pedir orientação.


Como fazer a consulta da perícia agendada do INSS?

A maioria dos cidadãos ainda aguarda que a previdência social envie o resultado da perícia médica via Correios; essa correspondência se chama Carta de Concessão, e é nela que são especificados os dados bancários para os saques, a data de depósito mensal e o valor do benefício.

Essa Carta de Concessão, todavia, também fica disponível na plataforma Meu INSS por meio do seguinte passo a passo:

  • O menu à esquerda deve ser rolado até surgir a opção Carta de Concessão de Benefício;
  • Clica-se em “Fazer login”;
  • Uma pequena janela surgirá e é preciso clicar em “Cadastre-se”;
  • Na próxima página, clica-se novamente em “Cadastre-se”;
  • Preenche-se o formulário.

Se o contribuinte não receber a Carta de Concessão pelos Correios e também não conseguir visualizá-la pela plataforma Meu INSS, deve ligar para o número 135 com o seu número de solicitação de benefício e o seu documento.

Vale destacar que só é possível ter informação sobre o resultado da perícia médica depois de trinta dias.


O que fazer se o benefício for negado?

Há muitos casos de brasileiros que não conseguem o benefício previdenciário que desejam na primeira vez: o resultado indicado na Carta de Concessão é “negado” ou “indeferido.

Nesses casos, o contribuinte deve procurar novamente o INSS e agendar outra perícia médica, recomendando-se renovar todos os laudos e exames médicos antes disso.

Como agendar perícia no INSS em São Paulo

Como se sair bem na perícia médica do INSS?

Os peritos médicos avaliam tudo e isso inclui o comportamento do cidadão: isso é natural porque há numerosos casos de fraude na previdência.

Desse modo, o cidadão que realmente precisa deve se manter tranquilo e fornecer apenas as informações essenciais da sua condição, sem se lamentar como se estivesse tentando penalizar o perito.

Além desse comportamento, é essencial mostrar laudos e exames recentes que sejam claros ao apontar a falta de condições para o trabalho; presencialmente, que sejam de diferentes médicos.

Como agendar perícia no INSS em São Paulo
5 (100%) 1 voto